DEZtaques da 2 Etapa Oeste!!
20/11/2011
« Voltar

 

E a 2 Etapa do Oeste aconteceu e foi um enorme sucesso - fruto do tripe: Recinto, premiacao e organziacao de ponta!

E a turma compareceu em peso!! 

Foram 615 inscricoes so no tambor!!! Um espectaculo!

A Arena Rafaela estava 100% e a pista cremosa!!

E com isso os tempos foram sensacionais!

Vamos aos DEZtaques dessa estapa:

1) Louise Rugulo - e seu Super Sarambu - nao teve pra ninguem na Jovem e na Feminino! Dia de gala para a Louise que mostrando toda a sua categoria e sintonia com esse grande animal que e o Sarambu!  Na Jovem levou com um 17s604 4 na Feminino com um otimo 17s410!!! 

2) Ronildinho Moraes! Estava com sangue nos olhos!! Na sexta levou o Derby 2007 com ST Fishers Blue com o otimo tempo de 17s421!  Mas no sabado com o mesmo animal ele deu um espanque! Na Amador fez um 17s163 levando com folga e na Aberta ficou em 3 com o mesmo animal e um tempo bem parecido de 17s193!  

3) Danilo Rahal! Nao teve pra ninguem na Master! Com tempo de Aberta, 17s356 levou facim facim o 1 Lugar!  E ficou ainda em 3 com um 17s7!  Rahal provando que o passaporte para o tempos rapidos e a experiencia!

4) Keila Mendonca!  Na Junior fez um 17s323 com o seu potro do futuro 2007 e ainda ficou em 3 com Play Ruler com 17s422! Sao os juniores voando baixo!!

5) Rodolfo Gomes e Madonaa Bee Dee no PF 2008 fez um tempo alucinante para um potro de 3 anos! 17s702!!

6) Claudio Silva Junior - um Kids fazendo 17s nao tem preco! Sensacional!!!

7) Decio Talon provou que o conjunto FEMEA RECORDISTA de tempo esta em sintonia fina e levou a Exibicao com um otimo 17s290!

8) Marcos Monzinho na maior prova com quase 160 inscritos e varios cavalos de ponta foi simplesmente 1 e 2 com o Fishers Down Dash com um sensacional 16s923 (Tempo Top 10) e Home Run Seven com 17s022!!! Provando que quando a pista e boa os tempos baixos acontecem! Pista e tudo!! Foi o unico 16s de toda a prova!! Sensacional!!!

9) Arena Rafaela - como sempre o melhor recinto de provas do Brasil!  E sempre bom ir correr la!

10) O crescimento da modalidade quando a coisa e bem feita e espantoso!  Provas com 600 inscritos e sem duvida um marco para ser comemorado! 

Agora e arrumar a casa e se preparar para as ultimas provas do ano! Ate la!




Comentários
» Enviar seu comentário


03/12/2011
Thomas souza

Wagner,

Vamos fazer a comissao do amador para fiscalizar as provas. Serao dez amadores no minimo e estes terao o poder de denunciar, mudar e fiscalizar as provas.

Estou falando com 10 pessoas que estao sempre nas provas e que querem fazer parte desse movimento. A ideia e ter 1-2 treinadores e 8 amadores.

Acho que vai funcionar.
02/12/2011
Wagner

Thomas ..
Parece que ninguem sugere nada .. por isso nada da certo !! Mas conversando com o Sr. Evandro , me parece que a ABQM tem uma comissão de Eticá , então pq não cobrar da ABQM algo ? Ano que vem as provas Começam novamente e nada vai acontecer .. é uma pena !!!
29/11/2011
Wagner

Thomas , Vamos lá então ....... Faça o Convite a 5 AMADORES para compor esta Comissão , Sugiro :

1 - Thomas
2-
3-
4-
5-

At,

Wagner Ettinger
29/11/2011
Thomas Souza

Chego a conclusao que a melhor alternativa e a criacao de um comite de amadores em todas as provas para que eles possam sanar os problemas ali mesmo. Um comite de no maximo 5 integrantes resolveria a questao na minha opiniao e ai a categoria teria que acatar.
29/11/2011
Durval Neto

Thomas,

Concordo com algumas coisas que estão sendo ditas... No entanto, algumas não concordo!!!!
Penso que existem AMADORES que correm em animais que de fato não são de sua propiedade, mas acho que a simples criação de novas categorias não resolveria o problema, uma vez que estariamos transferindo o problema de categoria, e os verdadeiros amadores que ficariam não categoria acima de 50 pontos por exemplo continuariam penalizados, ja que o "Amador" que monta em cavalo de terceiro continuaria correndo. Penso também que transferir automaticamente amadores com mas de 300 pontos para a categoria aberta geraria mais problemas, tendo em vista que existe uma certa distancia entre AMADORES com mais de 300 pontos e os profissionais ( Lembro que existem amadores com mais de 300 pontos que tem seus trabalhos e não tem tempo de VIVER CAVALO).
Acho que a melhor solução seria a união dos AMADORES ( Como dito pelo Nader) já que todos sabem quem corre em cavalo que de fato é de sua propriedade.

Abc

Durval Neto
26/11/2011
Sandro Mastra

Cadê a "Comissão de Ética" do Tambor e Baliza??? Tem propagandas em revistas que declaram quem são os reais proprietários dos animais em que "amadores e jovens" correm. No próprio blog já se comentou várias vezes resultados de animais que performaram bem com "amadores e jovens" que eram de propriedade de outros. Outro ponto importante, é observar que alguns "amadores e jovens" correm com um número absurdo de animais, que as vezes superam até profissionais. É uma pena que alguns mega profissionais participam desta "vantagem" gerando assim uma grande desigualdade em algumas provas, principalmente as grandes (premiação gorda), desanimando os verdadeiros amadores e jovens.
26/11/2011
josé ricardo neder

Boa noite Thomas,
Estou vendo este movimento dos amadores e acho plenamente justo, este problema aconteceu no laço em dupla, não me lembro em qual evento da
ABQM que os verdadeiros amadores se reuniram e fizeram uma reunião com o Presidente e o Diretor de Esportes da Abqm e deram os nomes dos
competidores que se diziam amadores na frente destes mesmos,ficou decidido então que seriam investigados todos os nomes ali declinado, e aqueles
que haviam feito a inscrição no amador e assumisse acondição de treinadores seria devolvido o dinheiro, e aqueles que foram apontados e não
assumiram a condição de treinador seria investigado pela comissão de ética e se fosse constatado a condição de treinador os mesmos seriam
suspensos pela Abqm, naquele dia muitos ditos amadores se tornaram treinadores, falta aos amadores do tambor tomar uma atitude dessas para se
tentar por ponto final nisso,
só cabe a Vocês amadores se unirem. Neder
25/11/2011
Wagner

Amigos !!!! Tira os AMADORES que correm cavalos que não são deles , que através de manobras burocráticas conseguem correr cavalos que não são deles ... é como acabar com a corrupção no Brasil .... vamos ser realistas !! Infelizmente muitos pensam em seus interesses próprios e não em competir de uma maneira justa , concordo plenamente com vc Paulinho é muito bacana e um exemplo corre atrás do pessoal da Master , são exemplos a ser seguido por nos Amadores ... . Pena que na Amador tem muito """" GATO """ correndo . A idéia de criar a AMADOR LIGTH não seria de fato necessário se a ETICA e o BOM SENSO existisse .

At.

Wagner Ettinger
25/11/2011
Wagner

Thomas , Olha que Bacana isso que você colocou e talveis seja realmente a Solução , o AMADOR que atingir X pontos passa automaticamente para Outra categoria . eu achei perfeito !! Parabens .. vamos esperar as Mudanças pois com certeza você dara o exemplo a ser seguido . OBRIAGADO !!
25/11/2011
Paulo Henrique Pustiglone

Boa tarde Thomas,

Me interando do assunto discutido, concordo e descordo com algumas coisas ditas.

Concordo quando diz que dividir a categoria não seria a solução para o possível problema hoje enfrentado pela categoria amador. Vejo esta idéia mais como um incentivo para os amadores com menos de 50 pontos (ou qualquer pontuação definida) a correr mais de uma vez em uma prova, porém também entendo o seu lado de organizador de prova com a preocupação de aumento efetivo de custo e até mesmo com uma possível tendência de se iniciar a criação de novas categorias.

Concordo em número, gênero e grau com o que o Leo enfatizou: “respeito às regras”, não acho justo amadores ou “não amadores” correrem em cavalos de terceiros. Sabemos que através de uma simples manobra burocrática de documentação, consegue-se passar a propriedade do animal para quem tem interesse de tocá-lo, todos sabemos que muitos dos animais tocados não são de fato do cavaleiro. Acho que os amadores (proprietários) não deveriam ser barrados da categoria uma vez que atingirem qual for que seja a pontuação, desde que realmente seja ele o dono do animal e invista para isso....

Julgo importante a competição desde que seja saudável e dentro das regras...creio que todos nós queremos nos espelhar em grandes amadores, que buscam a cada prova que passa um tempo mais baixo. Temos hoje nas pistas vários exemplos disso, basta olharmos para os tempos da categoria máster, tempos para brigar na categoria profissional feitos por verdadeiros amadores proprietários!

Abraços,
Paulo Henrique Pustiglione
25/11/2011
Matheus Schiavinato

Thomas,

acho que não precisamos mudar a Categoria amador e sim tirar quem não faz parte dela!
Conheço alguns AMADORES com mais de 200 pontos e não acho justo tirar eles da sua real categoria!
Temos que dessa vez ir até o fim e mostrar a real situação...


25/11/2011
Thomas Souza

Oi Fernando

Ja decidimos que a 3 Etapa da Copa Amigos vai ter uma premiacao fixa e divisional para a Master! Iremos anunciar em breve os detalhes e outras mudancas pertinentes na premiacao da Copa! Entao voce esta certo e ja vamos mudar!

Sobre a Amador Light, eu pessoalmente nao gosto da ideia de fatiar as categorias. Logo teremos a Amador Diet, Amador Zero Cal e por ai vai, pq nos amadores seremos promovidos entao a solucao e temporal mas nao definitiva para a categoria. Mas pode ser sem duvida uma solucao. Como organizador de prova eu tambem nao gosto pq dilui muito a prova em varias categorias e complica um pouco a organizacao e aumenta custos da prova.

Eu acho que um Amador com mais de sei la 200-300 pts de RMT ou algo assim, deveria ser considerado profissional e ser barrado de correr a Amador. Ai sim, estariamos empurrando esses Amadores super bons para a categoria mais forte, a Aberta. Acho que pode ser uma solucao.

Enfim, vamos buscar solucoes para o problema que e recorrente.

Abs
25/11/2011
Léo

Thomas, na minha opinião a questão é:
1) RESPEITO as regras - pra correr na amador o animal tem que ser DE FATO de propriedade do competidor, conforme regulamento da ABQM.
2) ÉTICA - para não burlar, criar mecanismos, fraudar, a propriedade de um animal e/ou deixar de declarar sua profissionalização no meio do tambor.
3 ) PROTESTO - os competidores da classe se unirem toda vez que essas situações ocorrerem para protestar.

Acho que seguindo os 3 pontos acima, principalmente o 3º ponto, que é o que realmente dá resultado, chegaremos lá!!! Realmente vai se um avanço para o esporte, porque muitas pessoas desanimam de correr determinada prova sabendo que vão encontrar na sua categoria os pseudo amadores, os pseudos proprietários dos animais etc etc.... e aliás, esse seu espaço mais uma vez permite esse canal de comunicação / protesto aberto, parabéns, abçs Léo
25/11/2011
Fernando Andregheto

Boa tarde Tomaz. Achei bem interessante a ideia do Wagner de uma categoria light. A ABQM já esta trabalhando nisso e foi muito legal no nacional a abertura dessa categoria, dando oportunidade para amadores que não tenham tanta experiencia e menos de 50 pontos. Em tempo, já esta na hora de voce pensar em abrir na Copa Amigos na Categoria Master para pelo menos dois D. Proporcionando motivação e oportunidades aqueles que não teem animais de 1D.
25/11/2011
Wagner

Thomas é Otima a ideia de criar uma comissão para a Categoria AMADOR , Porem todos nos sabemos que visando os interreses pessoais bem como disse o Matheus em seus comentarios , nem todos são Eticos quanto a isso , Então porque não Inovar ... sugiro :

AMADOR LIGTH - Até 50 pontos
AMADOR - Acima de 50 Pontos

Sei que varios Amigos AMADORES , estão acompanhando este nosso Debate sobre a Amador e peço a gentileza para que eles deixem aqui sua Opinião sobre a Nossa Categoria . Andre Morgante , Fernando Andregueto , os Amadores da Equipe Versatil ...

Att,

Wagner Ettinger
25/11/2011
thomas souza

Wagner

Acho que responsabilizar o organizador da prova nao e justo - nao temos como controlar isso de forma clara e efetiva. Principalmente antes, depois realmente podemos ajudar a resolver a questao. O organizador de prova tem milhoes de problemas que passam completamente ao largo de quem corre nas provas - sei bem porque faco os dois, e muito complicado.

A classe amadora a a maior responsavel na minha opiniao. A classe deveria ter uma comissao nas provas e denunciar os casos que estao fora da regra. Com isso o organizador pode de fato tomar uma decisao pautada por uma denuncia com provas e tomar a atitude cabivel.

Nos da FNSL por exemplo tomamos a atitude de ter a Ana Flavia no nosso time somente na condicao que ela abrisse mao de ser Amadora, o que foi feito apos um periodo pequeno de testes para ambos. O Decio abriu mao de ser Amador, assim com a Giovana Balbo e a Calixto, dando exemplo a todos os outros.

Precisamos de solucoes, o problema e notorio. Mas como resolver?

Abs
25/11/2011
Matheus Schiavinato

Thomas,
Boa tarde!
Acho um absurdo ter que começar a pensar em outro tipo de classe amador, pois estamos mais uma vez apoiando o errado .Precisamos sim de vergonha na cara pois somos nós AMADORES que formamos grande parte da massa pagante das provas de tambor.Existem TREINADORES correndo nessa categoria a anos e nada vem sendo feito para acabar com esse problema.É muita fácil falar em comprar bons animais como já vi alguns comentários desse tipo, quando o problema não está somente em ter bons animais e sim ser uma categoria justa para apenas AMADORES.
Por muitas vezes escuto nos bastidores do tambor , ou no aquecimento, pessoas falarem sobre isso, mas o medo de dar a cara e começar algo novo não deixa que ninguém expresse essa mesma opinião.
Vamos pensar em mudar em crescer certo e não trilhar um caminho sem volta, baseado apenas em interesses pessoais.

Vamos lembrar que temos pessoas crescendo e correndo as primeiras categorias do tambor e temos que cuidar delas, cuidar para que esse esporte cresça e ninguém desista dele por alguns “”erros “”” existentes no tambor.

“ Estamos esquecendo como tudo isso começou em nossas vidas, para que começássemos a montar e correr nos três tambores. Estamos deixando que o verdadeiro motivo de praticarmos este esporte fique para trás e permitindo que interesses pessoais tornem esse meio sujo onde apenas ganhar basta.Não é burlando as regras que se faz uma classe justa e sim dando a ela o devido respeito”.

Pense nisso e passe a diante!!!

Att

MATHEUS SCHIAVINATO - ( COMPETIDOR AMADOR )
25/11/2011
Wagner

Léo , Perfeito seu Comentário , você usou a palavra certa ETICA , coisa que muitos competidores não estão tendo nesta categoria , outro ponto muito bem colocado e a falta de VOZ nos amadores estamos vendidos nas mão de quem organiza as provas , Mas não vejo isso como um Problema uma vez que são eles pessoas Responsáveis e que entendem muito bem a situação do Amador . Fica aqui um elogio ao pessoa da Copa Ouro que na Primeira etapa do campeonato tiraram os pontos do Ganhador da Categoria Amador , por não estar de Acordo com a ABQM , Se não em engano a Maine do Haras 7 Estrela com muita competência resolveu este Problema .

Att,

Wagner Ettinger
25/11/2011
Léo

Thomas, seguindo o comentário do Wagner, é também uma questão de falta de protesto por nossa parte.
A regra da ABQM é clara e até certo ponto bem redigida, acessível para qualquer um no site da ABQM:

"CLASSE AMADOR E JOVEM
No caso do animal ser de co-propriedade, não poderá ser apresentado na classe Amador e ou Jovem. O
animal para participar dessas classes (Amador e ou Jovem) deverá ser do próprio cavaleiro, ou de seus
pais, filhos, filhas, avós, tutor, tutelado, irmão, irmã, esposa, enteados, meio irmão, meia irmã, padrasto ou
madrasta".

O problema é que nós misturamos a amizade que temos todos nesse (ainda) pequeno mundo do tambor e baliza com a distinção de se falar e protestar pelo errado. Falta VOZ aos simples amadores. E isso não quer dizer uma afronta a uma ou outra pessoa. Todos erram, todos tem momentos de lapso, mas o que não pode acontecer é ficarmos calados, com receio disso ou aquilo...temos que falar quando vemos algo de errado acontecer.
Não é mais somente uma questão de ética, até porque a ABQM fez uma retificação do regulamento com o dispositivo que eu transcrevi acima.
Agora é uma questão de protestar com respeito e educação para que o nosso esporte tenha mais essa tão importante evolução. Para que se crie um senso de ética sem precisar inventar mecanismos para coibir essa prática que tanto desistimula os VERDADEIROS AMADORES. Abçs, Leonardo Burman tel 92660181


24/11/2011
Wagner Ettinger

Thomas

Em relação a seu Comentário na pagina da LW , achei interessante vc abordar esse tema , sou Amador participo de todas as Provas e Acredito que a Categoria Amador deveria ser feito algo Diferente , Algo Inovador , pois não é Possível algumas coisas que acontecem nesta Categoria .
Exemplos disso é a diferença que há entre os Amadores Amadores e os Amadores Treinadores , que todos Nos sabemos muito bem quem são eles , Penso que uma Pessoa com sua Capacidade e inteligencia poderia Inovar e criar ou colocar nas Provas um Amador light com ate 30 pontos ... sei lá algo assim , para diferenciar um pouco , Pois nos Amadores que Pagamos para que o treinador esteja na Cat Aberta , nossos Filhos na Jovem , investimos nos Cavalos e por ai vai .. Por Favor Pense com carinho neste Comentário ...

Att,

Wagner Ettinger .
22/11/2011
Thomas Souza

Tenho rebido muitos comentarios sobre a questao do amador e decidi nao postar pq nenhum veio com o nome da pessoa ou email real.

Se quiserem que eu publico, por favor deem um email e nome verdadeiro. E sejam elegantes nas criticas. Ai o debate se torna valido.

Abs

Thomas
22/11/2011
Sandro Pissini

Thomas,

No meu caso enfrento dois problemas: na amador não dá pra mim e na master ainda não cheguei. Então, enquanto isso, vou treinando para enfrentá-los a partir do segundo semestre de 2013.

Me esperem! Se até lá vc e o Valter não derem conta do Danilo Rahal, deixem pra mim. Kkkkkk. Abraços.

Sandro Pissini
22/11/2011
Thomas Souza

Sandro

O Danilo na 8 Prova FNSL ganharia facim facim com um 17s2 salvo engano, tempo muito proximo do que ele fez na AR esse fds, entao ele ja esta mostrando que esta correndo quase meio segundo na frente da turma mais velha - para o meu desespero! E isso com cavalos de linhagem de corrida! Ele sem duvida tem uma belissima tropa e vai reinar na Master com esses tempos baixos.

Na 3 Etapa da Copa Amigos no dia 4 de fevereiro, como ja anunciamos nesse Blog, iremos premiar em 3 Ds e dar uma premiacao fixa para a categoria Master. Acho que assim mostramos para os "velhinhos" que a categoria esta cada vez mais importante e prestigiada. Mais informacoes sobre isso em breve!

O Valter sem duvida tambem esta dando show! Ele e a Ana! Muito legal!

So falta voce tomar vergonha na cara e comecar a correr tambem!

Abs

Thomas

22/11/2011
Sandro Pissini

Thomas,
Sobre os DEZtaques: O tempo do Danilo Rahal na master chama a atenção para esta categoria. Os tempos têm melhorado muito. As inscrições seguem aumentando sempre. Não será o momento de olhar com mais respeito para esta categoria? Talvez com a melhora da premiação? Talvez equiparando-a a categoria amador ou jovem C????

Aproveito a oportunidade para mandar um abraço ao meu amigo Valter Dias - segundo na master - com um tempo de 17s606 (salvo engano) - mandou muito bem. Valtão, vc merece baixar cada vez mais o seu tempo: investimento, dedicação, apoio familiar, paixão pelo esporte e vontade de ganhar. Siga assim, vai sempre dar certo. Abraços meu e da Carmem a vc, Ana e meninas. Obs: a presença da mais velha deu sorte, convide ela a voltar a montar.

Sandro Pissini
21/11/2011
Janete Morais

Thomas,
Em primeiro lugar quero agredecer a Deus por tudo! E segundo que no sábado durante a segunda etapa do Regional Oeste (19-11-2011) era o aniversário do Ronildo Filho, mas o presente e a festa foram para todo o CT Ronildo Morais que foi brilhantemente representado por esse jovem guerreiro que provou mais uma vez que: trabalho + seriedade + dedicação = resultados.
A emoção que tivemos ao ver nossos jovens animais brigarem com os já consagrados "monstros" dos três tambores foi imensurável.
Quero deixar aqui meu sinceros agradecimentos ao apoio que eu e o Ronildo Filho recebemos tanto pela organização do evento como pelo maravilhoso recinto do Haras Raphaela.
Quero deixar um agradecimento mais que especial aos clientes e amigos do CT Ronildo Morais que, independente dos resultados, acreditam fielmente no nosso trabalho.
Um grande abraço a todos!
21/11/2011
Thomas Souza

Caro Sandro

Sim, foi o primeiro 16s dele na AR. Ele ja tinha feito um 17s052 na Arena Rafaela, entao ja vem batendo na trave a algum tempo.

Parabens pelas passadas do Ronildinho e o Blue! Me disseram que foram de cinema.

Abs
20/11/2011
Sandro Pissini

Thomas,

Parabéns pela tropa FNSL. Pergunto: É o primeiro 16 do Fishers Down Dash na Arena Raphaela? Se sim, tenho a impressão de que todos os três ponteiros da FNSL (VF/FDD/HRS) cravaram 16 na AR. Então, ponto. Eles fazem 16 fora de casa também. Segue os meus parabéns ao Marcos Monzinho pois, três 16 em três cavalos diferentes (independente da qualidade dos cavalos) é mais do que digno de respeito.

É com muita alegria que aqui deixo as minhas maiores considerações ao RONILDO FILHO que tocou de forma espetacular um potro - ST FISHERS BLUE - (garanhão que fechou 04 anos em setembro), fazendo-o cravar 17s163 (amador) e 17s193 (aberta) no mesmo dia. Levando-o para casa com 2 primeiros lugares - derby (17s421) e amador - e 1 terceiro lugar - aberta -.

Abraços,

Sandro Pissini

O Blog (painel de notícias) da Fazenda Nossa Senhora de Lourdes é um espaço criado para a divulgação de informações e troca de idéias, permitindo, inclusive, a participação de terceiros por meio de comentários. A opinião expressa nos comentários reflete a opinião do autor e, não necessariamente, representa a opinião da FNSL. A Fazenda Nossa Senhora de Lourdes não se responsabiliza pelo teor destes comentários. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do visitante que enviá-lo, sendo o número IP, data e horário da postagem armazenados em nosso sistema.
Fazenda N. Sra. de Lourdes - Jaguariuna:(19) 3867-1226. (11) 3071-3866 | Fazenda Estrela do Sul - Uberaba:(11) 3071-3866 . (34) 9960-6172
Desenvolvido por Mercado de Cavalos