Inscricoes Nacional ABQM caem 2% em 2011!
14/07/2011
« Voltar

 

Um sinal que o crescimento dos eventos da ABQM chegou no limite ou apenas uma pausa apos anos de um crescimento estrondoso?

Nao sei a resposta, mas o fato e que o como o Congresso de 2011, o Nacional ABQM 2011 mostrou uma queda de 2% no numero de inscricoes para 4,434 no total (incluindo AQHA).

Uma coisa e certa - o Recinto de Avara provavelmente nao comporta um numero muito maior entao pode se que esse seja o motivo ou gargalo. Outros motivos apontados pela turma sao o alto custo das inscricoes e do evento em si para os participantes com um retorno muito baixo ja que (pelo menos no tambor) a relacao competidor/premiado e muito baixa.

 




Comentários
» Enviar seu comentário


19/07/2011
Thomas Souza

Oi Marcello

Acho que esse ano a ABQM fez grandes melhorias e esta de parabens! Iluminacao melhor, pistas melhores, e a premiacao divisional!

Juntos faremos os eventos cada vez melhores.

Acho que o tambor precisa de fato ser melhor tratado e isso esta sendo feito.

Dito isso voce tocou em um ponto muito importante. Seria otimo a ABQM (principalmente na modalidade do tambor) rever o numero de inscricoes por treinador ou competidor. A modalidade cresce muito e o numero de treinadores esta crescendo de forma mais lenta. Elevar o numero para 10 por exemplo seria fantastico e traria um grande beneficio para os eventos da ABQM - mesmo que tivesse que fazer uma baia de dois andares como voce colocou!

Fica a sugestao!

Abs

Thomas
19/07/2011
Marcello Xavier

Primeiramente bom retorno das férias. De fato houve uma pequena quedas nas inscriçoes do Nacional 2011, porém em uma ou outra modalidade, no geral as inscriçoes foram até supreendentes como no Tambor mais de 1500, na Apartação 300, no laço de boi mais 750. As premiação para o Tambor passam de 250 mil - uma das maiores do Brasil. Comparar ou tentar comparas as provas de Tambor da ABQM com as provas particulares não seria justo pois nos não temos tira-teima, não permitimos que os cavaleiors montem quantos cavalos quieserem, pois se fizessemos isso terimaos que montar baias de 2 andares para comportar. Na questao da organizaçao basta acessar o site ABTB (treinadores) e ver o que esta postado lá sobre esse tema. Agradecemos as criticas e tenham certeza que estamos sempre trabalhando para melhorar dia a dia e com a participaçao de todos os associados que sao a razao principal do sucesso desses eventos é que a raça Quarto de Milha será maior ainda.
Abraços
Marcello Xavier
18/07/2011
marcello chiapeta garcia

E vai cair mais, cresce o numero de cavalos, de socios, de oferta e procura, mas cade o crescimento em estrutura, fui ao congresso e pela primeira vez não consegui baia de alvenaria, com as chuvas meus animais ficaram dentro dagua e as baias acabaram se desmontando, resultado não consegui baia de alvenaria para o nacional e não fui. enquanto não houver estrutura para receber meus animais,não irei mais a eventos sem o minimo de estrutura e caro.
15/07/2011
Luiz Gustavo

Acredito que todo ano cairá um pouco. É importante analisar que a queda de 2% não reflete a queda real, visto que o QM cresceu em: número de animais, investimento e número de competidores. As causas ? Na minha opinião é a debandada do pessoal do tambor (principalmente os de outros estados), por conta de: custo alto, premiação baixa, falta de organização, falta de estrutura, etc....

O Tambor sendo o "CARRO-CHEFE", na minha opinião deveria ter um tratamento diferenciado: pista, estrutura, premiação, etc....

Thomas, seria uma boa idéia fazer uma enquete no site e perguntar para o pessoal do TAMBOR o que eles preferem: as grandes provas exclusivas de tambor e ou baliza: AR, FNSL, MARIANA, 4F, etc.... Ou AVARÉ: congresso, copa dos campeões, etc.... ?

Abs,
Luiz Gustavo
luiz.figueiredo@gmail.com
21 8202-5500
O Blog (painel de notícias) da Fazenda Nossa Senhora de Lourdes é um espaço criado para a divulgação de informações e troca de idéias, permitindo, inclusive, a participação de terceiros por meio de comentários. A opinião expressa nos comentários reflete a opinião do autor e, não necessariamente, representa a opinião da FNSL. A Fazenda Nossa Senhora de Lourdes não se responsabiliza pelo teor destes comentários. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do visitante que enviá-lo, sendo o número IP, data e horário da postagem armazenados em nosso sistema.
Fazenda N. Sra. de Lourdes - Jaguariuna:(19) 3867-1226. (11) 3071-3866 | Fazenda Estrela do Sul - Uberaba:(11) 3071-3866 . (34) 9960-6172
Desenvolvido por Mercado de Cavalos