Confusao de Termos sobre o PF
11/01/2010
« Voltar

Muitas pessoas andam confusas com as definicoes sobre os termos usados para definir provas para potros. Temos recebido muitos emails sobre essa questao e decidimos assim esclarecer essa questao aqui no Blog.

Vamos la:

Existem basicamente, pelo que entendo, e para o tambor (nao misturar com outras modalidades como redeas etc) tres categorias para os potros de acordo com o que vemos nos EUA. Elas sao:

Juvenile (juvenil): Para potros com ate TRES anos hipicos. Geralmente essas provas ocorrem no final do terceiro ano hipico (nos EUA o ano hipico e de janeiro - dezembro) ou seja, dezembro nos EUA. Seria como fazer uma prova para os potros em maio/junho do terceiro ano hipico do animal.

Futurity: Para potros com ate QUATRO anos hipicos. Nessa categoria ocorrem a maoria das provas e durante o ano todo. A grande final ocorre em Oklahoma City, no BFA World Championship em dezembro. Portanto os potros correm durante um ano hipico INTEIRO.

Derby: Para potros com CINCO anos hipicos. Essa categoria foi criada para servir como uma transicao para os potros que estao virando "profissionais". E uma categoria em que as premiacoes sao bem menores e o numero de provas tambem e menor e menos importante. Nao agrega muito ao curriculo do animal.

Por aqui temos visto muita confusao em relacao a categoria e seria bom todos entenderem como funciona para nao tentar re-inventar a roda ou criar uma jabuticaba como vemos historicamente.

Lembrando que por aqui o ano hipico começa em julho do ano corrente e vai ate junho do ano seguinte. Isso quer dizer por exemplo que animais nascidos no ano hipico de 2005/2006 sao "futurity" ate o final do ano hipico corrente.

Isso quer dizer que o Potro do Futuro ABQM (que corre em outubro), o mais prestigioso evento para potros por aqui, nao deve ser considerado a unica competicao para potros importante. Nao e porque o animal correu esse evento que ele deixa de ser potro do futuro para os outros eventos durante o ano hipico.

Precisamos aumentar o numero de provas FUTURITY para que esses animais tenham uma categoria propria, e isso esta acontecendo pelo que vemos.



Comentários
» Enviar seu comentário


15/01/2010
Allan Menin

O ciclo estral das eguas é afetado pela luminosidade, ou seja, quando os dias começam a ter maior duração que as noites elas começam a manisfestar o ciu, o que significa que no outono/inverno, elas não tem esse ciclo, nos EUA, assim como em toda a parte Norte do Equador, as estações são invertidas, por exemplo: Verão aqui, Inverno lá; Primavera aqui, Outono lá. Não só as estações, mas tambem todo o periodo luminoso. Portanto as eguas lá começam a manifestar ciu no final de Janeiro, começo de fevereiro, quando eles começam a entrar na primavera, enquanto nossos animais entram novamente na quiescência, aqui os animais começam aceitar o garanhão no final de Julho (meio/final do Inverno), se mudarmos o calendario reprodutivo brasileiro, não iremos aproveitar corretamente o ciclo natural de nossos equinos. Gostamos muito de copiar as coisas de la de cima, porem se copiarmos isso, nos daremos mal.

Uma coisa uma interessante acontece nas regiões perto da linha do Equador, onde o periodo luminoso é regular o ano todo, as eguas apresentam ciclo estral frequentemente o ano todo. Alguns estudos cientificos tambem comprovam que eguas expostas a uma fonte luminosa ao anoitecer, que faça a noite "durar" menos que o dia, tambem apresentão o mesmo comportamento que as adaptadas do Equador.
13/01/2010
Thomas Souza

Ola Heleno! Feliz ano novo!



Olha eu nao sei a razao tecnica, mas a logica e para seguir o ordem das estacoes como nos EUA. Deve existir uma razao tecnica para isso. Mas pensando sobre o assunto, as femeas tem que começar a ciclar no pior momento do ano para elas entao nao sei nao. Derrepente e pelo motivo pratico de seguir o ano calendario por la e aqui criamos mais uma jabuticaba.



Se algum veterinario souber, por favor nos esclareça!
13/01/2010
heleno lima

Ola Thomas. Voçe saberia explicar o por que da diferença de datas nos anos hipicos do USA e Brasil. Um abraço Heleno
O Blog (painel de notícias) da Fazenda Nossa Senhora de Lourdes é um espaço criado para a divulgação de informações e troca de idéias, permitindo, inclusive, a participação de terceiros por meio de comentários. A opinião expressa nos comentários reflete a opinião do autor e, não necessariamente, representa a opinião da FNSL. A Fazenda Nossa Senhora de Lourdes não se responsabiliza pelo teor destes comentários. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do visitante que enviá-lo, sendo o número IP, data e horário da postagem armazenados em nosso sistema.
Fazenda N. Sra. de Lourdes - Jaguariuna:(19) 3867-1226. (11) 3071-3866 | Fazenda Estrela do Sul - Uberaba:(11) 3071-3866 . (34) 9960-6172
Desenvolvido por Mercado de Cavalos