Veja a Carta Resposta da APTB!
09/07/2009
ę Voltar

Recebemos, como muitos outros, a resposta do Presidente da APTB, nosso amigo Marcelo Delchiaro, um e-mail com a resposta a todos as questoes que foram levantadas nesse Blog e em outros lugares.

Como sempre acreditamos, o nao pagamento dos premios se deu por motivos absolutamente compreensiveis. Basicamente o furo no caixo devido a inadimplencia e atraso no pagamento das inscricoes - algo na casa dos R$65,000.

Esperamos que essa resposta possa acabar de uma vez com as duvidas em relacao a seriedade da APTB e o bem que ela tem feito ao mundo do tambor e baliza.

Veja na integra a carta nos comentarios abaixo ou no site da aptb.com.br!



ComentŠrios
Ľ Enviar seu comentŠrio


10/07/2009
Mae de competidor que venceu

Acho infeliz o in√≠cio da Carta do Sr.Delchiaro. Muito infeliz mesmo "essa ingenuidade toda dele", ao dizer que sua Carta √© "em ato √ļnico", ou seja: nada pode ser contestado nas suas afirma√ß√Ķes. Nada pode ser desmentido, ali√°s, como j√° est√° sendo, por v√°rias cartas nesse Blog, cada vez mais √ļtil para nossa informa√ß√£o.

Parabéns a todos vocês da FNSL por esse serviço prestado para todos nós.

Se n√£o, como fica a outra afirma√ß√£o dele que: todo o descontrole administrativo se deu "√?NICA E EXCLUSIVAMENTE POR MANTERMOS A COMODIDADE DOS COMPETIDORES..." Ou seja, os competidores s√£o os RESPONS√ĀVEIS pelo epis√≥dio t√£o doloroso...

Nada disso! Se o problema todo foi de 65 mil, bastava "pedir prazo" (como se faz no Banco) para a tal da empresa credora de 65 mil e n√£o tinhamos nenhum esc√Ęndalo da APTB, nem cheques sem fundos, ora bolas!

Essa sua santa "!ingenuidade" resolveu agora também desafiar nossa inteligência?

E esse "apreço pelo senhor Ovídio", você continua tendo depóis do infeliz caso do doping em dose dupla? E que agora sabemos que ele já é até reincidente? Ou a sua carta foi escrita antes de denunciarem aqui nesse Blog esse caso também muito horroroso?



09/07/2009
P√īlemica construtiva

Thomaz,

Madre Teresa n√£o deve perder o anonimato, tem raz√Ķes e motivos para tanto. Coragem? Isso √© besteira, n√£o falta e voc√™ sabe disso. Mas, tamb√©m podemos, numa boa, lan√ßar-lhe um apelo: Aponte, por favor, em todas essas pol√™micas e informa√ß√Ķes levantadas e por voc√™s divulgadas, tanto na primeira revela√ß√£o das leviandades (a√≠ sim) dos dirigentes (ou de um dirigente) da Aptb, quanto das demais, ONDE E QUANDO a sua afirma√ß√£o de n√£o permitir no Blog "difama√ß√£o ou leviandade", CONFIGURA-SE, inclusive na mais contundente e clara manifesta√ß√£o n√£o publicada, o "Madre Teresa de Calcut√°".

Qual √© o fundamento de "CALCUT√Ā", que, na sua ess√™ncia, CONTESTA E DIZ FALSA as afirma√ß√Ķes de Delchiaro tipo: "n√£o vou concorrer a nenhum cargo em nenhuma Chapa nas elei√ß√Ķes da ABQM"..."tenho muito apre√ßo ao Sr. Ov√≠dio" mas... "sou muito ing√™nuo para participar desse mundo"...dos que querem o "poder pelo poder"...

S√£o, repito, a√≠ sim grossas, FALSAS e ridiculas afirma√ß√Ķes, ou N√?O? Caso n√£o concorde, que desmintam os seguintes afirma√ß√Ķes comprovadas por qualquer um:



1) Delchiaro, at√© a realiza√ß√£o do agora fat√≠dico "Maior Festival de Tambor da AL", era ou n√£o CANDIDATO A VICE-PRESIDENTE NA CHAPA DO DR. OV√ćDIO? "SAIU PORQUE"? porque "descobriu que √© muito ing√™nuo" ou, A VERDADE DOS FATOS, o Ov√≠dio se viu obrigado a retir√°-lo porque tinha se metido numa grande fria e iria "queimar" a sua Chapa?



2) Quando o "apol√≠tico puro e ing√™nuo" diz que "a ABQM √© muito bem administrada" e ele "tem muito APRE√?O pelo Dr. Ov√≠dio" isso √© uma afirma√ß√£o VERDADEIRA? Isso n√£o soa pra voc√™ como politicagem e comparado a "tudo farinha do mesmo saco" de velhas raposas da p√©ssima pol√≠tica?

N√£o Tomaz, voc√™ sabe que √© tudo FALSIDADE, nem o Delchiaro tem todo "esse apre√ßo" pelo Ov√≠dio e o reconhece como um bom administrador e muito menos este, o Ov√≠dio, tenha morrido alguma vez na vida.de "amores" pelo Delchiaro, ele sabe disso e todos sabem disso... a VERDADE √© que os dois simplesmente se UNIRAM, em torno de UM PROJETO POL√ćTICO "RENOVADOR" para a ABQM, que, aparentemente, no caso do Delchiaro, "derreteu" por conta da grave crise da APTB e n√£o porque ele √© t√£o puro e ing√™nuo assim...



3) Muito bem colocado já por outros missivistas essa questão da "Diretoria de três". Certa vez disseram considerar a APTB a nova "potência" do QM, que estava fazendo "sombra" para a própria ABQM...E alguém retrucou dizendo: Nada disso "da forma como é conduzida, somente é uma "bolha" que vai "espocar" lá na frente, ela "tem dono", não é Associação e sim uma "Sociedade privada". E não deu outra, o Delchiaro é obrigado a colocar "os seus próprios recursos" porque "a criança é só sua"...Nem mesmo do Ulhoa e do Justino...

E finalmente, √© muito oportuno que se aproveite o lim√£o para uma boa limonada...Que n√£o se mate o encanto dos D's trazidos pelo Abelardo Peixoto e que deu tanto certo! Que se REINVENTE uma NOVA APTB liderada por gente que se disponha a representar associados de uma ASSOCIA√?√?O, com Estatutos, Diretoria eleita, Conselho Fiscal, ESSES PROCEDIMENTOS COMUNS, CORRETOS E TRANSPARENTES, de gente como voc√™, o seu Dirlei, os treinadores. Gente com o p√© no ch√£o e que veja o Cavalo em primeiro lugar como paix√£o e, em segundo, como o resto.. e inclusive dinheiro...





09/07/2009
resposta à m. t.

M.T.,



se voc√™ acha que a APTB √© t√£o ruim, monte a sua pr√≥pria associa√ß√£o e fa√ßa a sua diretoria com quem sabe uma pessoa s√≥, voc√™ mesmo. N√£o √© f√°cil administrar uma associa√ß√£o como essa. Acredito que muitas vezes essas diretores devem se arrepender muito de ter entrado nessa jornada. Voc√™ acha que se sairia melhor? Pq n√£o ajuda de alguma forma? √? muito f√°cil criticar quem est√° l√° em cima, dif√≠cil √© estar l√° em cima. N√£o acredito que em qualquer momento alguma dessas pessoas tenha agido de m√° f√©. Podem ter sido p√©ssimos gestores, mas nada que n√£o possa ser reestabelecido e usado como aprendizado. A longo prazo, algu√©m se sente lesado? N√£o est√£o todos recebendo sua premia√ß√Ķes? Ent√£o acabou. N√£o foi nada pior do que o tempo que a ABQM demora para pagar os pr√™mios.



Abraço
09/07/2009
Thomas Souza

Minha Querida Madre Teresa!



Eu publiquei um o outro nao. Acho que os pontos levantados sao validos e devem ser considerados. Incentivamos o debate publico e aberto - mas nao queremos difamacao ou leviandade. Isso nao e legal. Gostaria que voce re-pensasse o que disse, ou melhor, a forma. Se quiser eu edito e publico.



Acho que podemos criticar, duvidar, debater, repensar, questionar, mas temos que ter cuidado para este espaco nao virar um ringue de boxe politico.



Por favor tente me entender. Se quiser publicar como esta peço que coloque seu email e nome verdadeiros. Ai beleza! Porque ai nao nos escondemos na sombra do anonimato.



Sobre os erros administrativos da APTB, eu acho que foram muitos. Muitos mesmo. Os acertos tambem foram em grande numero. Entao temos que usar o acontecido para aprender, corrigir e melhorar as coisas da APTB. Acho que os problemas ja vem de muitas etapas passadas entao elas so explodiram agora talvez pq foi um evento grandioso e que provavelmente no meio da crise, a organizacao nao levou em conta o risco de inadimplencia maior - se os bancos estao sofrendo com ela pq nao iriamos sofrer tambem? Veja a quantidade de pessoas que nao recebem nos leiloes...



Vamos debater no Nacional 2009 as questoes e melhorar as coisas. Vamos continuar debatendo nesse Blog com seriedade, competencia, inteligencia, e com o desejo que as coisas melhorem de fato para todos envolvidos nesse esporte equestre tao especial.



Abs



Thomas
09/07/2009
Madre Teressa

THOMAZ, alguma raz√£o especial - al√©m de t√©cnica - para n√£o postar "MADRE TERESA DE CALCUT√Ā"? N√£o seria uma boa pol√™mica e tamb√©m novas informa√ß√Ķes para ajudar no esclarecimento efetivo desse triste epis√≥dio? Ser√° que a "Carta (quase) Aberta" do Delchiaro esclarece e encerra o assunto? Que "acaba com as d√ļvidas e quanto a seriedade (n√£o da Aptb) dele"? Voc√™ acredita mesmo nesse "bom mocismo"? Nesse repentino neo-apol√≠tico e puritano? Voc√™ acredita mesmo que ele "saiu" da Chapa do Dr.Ov√≠dio? Voc√™ acredita mesmo que os problemas da Aptb tem origem somente nessa √ļltima Etapa? Voc√™ acredita em uma Associa√ß√£o com uma "diretoria de 3", sem elei√ß√£o, sem presta√ß√£o de contas, onde "s√≥ um" controla o "caixa"?



Na espera e na torcida para que esse seu Blog, t√£o democr√°tico, continue essa maravilhosa "tribuna livre" onde, entre in√ļmeros feitos, foi o √ļnico espa√ßo encontrado para vir √† p√ļblico informa√ß√£o que jamais viriam por quaquer outro ve√≠culo de informa√ß√£o de nosso meio e, seguramente, somente seria mat√©ria nas p√°ginas policiais dos jornais populares!



S√≥ para citar os dois √ļltimos assuntos mais pol√™micos:



1- Epis√≥dio da APTB que levou a "Carta (quase) Aberta" do Delchiaro (sairia algo espont√Ęneo no blog da APTB?);

2- Carta (quase) Aberta de Delchiaro; (ou ele falaria sem a press√£o?)

2- Doping em Prova Oficial da ABQM de dois animais do Dr. Ov√≠dio (SAIR√Ā algo no blog da ABQM?);



Só por esses nós vemos o quanto é importante o Blog da FNSL! Se continuar "tribuna livre", evidentemente!

09/07/2009
Rogério Moraes - Paraíso do Tocantins - TO

Aqui no Tocantins a nossa Associação promete e cumpre, tem que se trabalhar com clereza, pois o custo em se manter um cavalo competindo e saindo para fora e muito grande.

09/07/2009
Pai de competidor

Pois √©, infelizmente tenho que concordar com o Master, o seu Delquiaro falou, falou e n√£o disse absolutamente nada.Acho at√© engra√ßado ele se referir a fofocas e mentiras sendo que o que foi postado aqui por tantos como eu prejudicados √© a mais absoluta realidade.N√£o estamos mais em col√©gios, muito menos na pr√© escola para sermos taxados como fofoqueiros.Somos homens respons√°veis e apesar dessa mancha nas provas do QM continuamos tocando nossas cria√ß√Ķes e somos apaixonados pelas competi√ß√Ķes.Foi uma prova oficial da ABQM e dai? n√£o quer dizer absolutamente nada visto que o proprio presidente o Dr.Ovidio teve um cavalo dopado no Joquei Club de Sorocaba.

Francamente senhores a banana est√° comendo o macaco.

Desculpe pelo desabafo Tomas, mas acredito muito na idoniedade do seu blog, ele passou a ser um veículo de informação e exclarecimento.Parabéns

Vou ver se consigo trocar meu BORRACH√?O

Abraço

09/07/2009
Jo√£o Caramez de Sampaio

Agora deu pra entender um pouo mais essa tamanha desandada da APTB. Tamb√©m pudera, com uma Diretoria dessa n√£o podia ser diferente. Onde est√£o com a cabe√ßa? Ent√£o √© uma "Diretoria" de tr√™s? T√° tudo explicado! Na ABQM tem elei√ß√£o de 2 em 2 anos, e na Aptb, alguma vez teve? Na Abqm tem Conselho Fiscalizador, e na Aptb se tivesse fiscaliza√ß√£o controlando a Diretoria (mesmo dos 3), teria existido tamanho rolo? E quem, al√©m dos 3, controla o que n√≥s associados pagamos (anuidade, taxas de baias, inscri√ß√Ķes, an√ļncio na T&B, etc), onde est√° o Balan√ßo Financeiro? Algu√©m alguma vez viu? Quem sabe pra onde ia o nosso dinheiro, quando tinha "sobra" de caixa? E quanto custa os sal√°rios dos funcion√°rios? Agora com esse monte de d√≠vidas que o site da FNSL publicou eles abrem o jogo!



PERGUNTA PRA DIRETORIA DOS 3: PORQUE AT√? AGORA A CARTA DO DELQUIARO N√?O SAIU NO SITE DA APTB? T√?O COM MEDO DO QUE? SERIA DOS LINKS INTERNACIONAIS?



PROPOSTA: MORALIZA√?√?O DA APTB - ASSOCIA√?√?O PAULISTA DE TAMBOR E BALIZA! OU SEJA, UM GRUPO DE MUITOS S√?CIOS, QUE SE ASSOCIARAM E S√?O OS SEUS VERDADEIROS DONOS, E N√?O SOMENTE OS TR√?S!



1) OS 3 DIRETORES, O THOMAZ, O SEU DIRLEI E O SEU EVANDRO GUERRA CONVOCAM UMA ASSEMBL√?IA GERAL COM TODOS OS S√?CIOS NA FNSL, OU L√Ā NO RAPHAELA OU NO RONILDO;

2) DISCUTIMOS A SITUA√?√?O TODA E EXIGIMOS UM BALAN√?O FINANCEIRO COMPLETO DA APTB, DA REVISTA T&B E DESSA OUTRA REVISTA QUE V√?O LAN√?AR NO NACIONAL DA ABQM;

3) APROVAMOS UM NOVO ESTATUTO, COM DIRETORIA MAIOR E CONSELHO FISCALIZADOR;

4) ELGEMOS UMA DIRETORIA FORTE E RESPONS√ĀVEL;

5 MEU VOTO ANTECIPADO: THOMAZ PRESIDENTE, SEU EVANDRO GUERRA VICE-PRESIDENTE, SEU DIRLEI TESOUREIRO, SEU ROBERTO ULHOA FICA ONDE EST√Ā, JUSTINO TAMB√?M FICA ONDE EST√Ā, ABELARDO PEIXOTO DE ESPORTES, RONILDO DE PROVAS E PISTAS, EDSON LOCUTOR, DIRETOR DE EVENTOS, PARDINI DIRETOR DA REVISTA T&B, DELQUIARO DIRETOR INTERNACIONAL E MAIS 5 S√?CIOS PRA SEREM OS FISCALIZADORES DAS CONTAS MENSALMENTE, QUE DEVEM SER PUBLICADAS NA REVISTA PARA QUE TODO MUNDO CONHE√?A!



ISSO SERIA UMA DIRETORIA "DE RESPEITO" E N√?O ESSE TRIO QUE NOS DESMORALIZOU E NOS ENTERROU VIVOS!



08/07/2009
O Santo do Tambor

"Carta quase Aberta do Delchiaro": Quando parece ser...mas na verdade ele sabe que não é! E viva a Madre Teresa de Calcutá!



Antes tarde do que nunca, pode-se dizer...Mas não precisava exagerar! A "Carta Aberta do Delchiaro'" tardou...e saiu, só que pegando o "atalho errado", ao tentar esclarecer "o acontecido" de sua parte e da Aptb. Será simplesmente "descontrole administrativo"? Será tudo simples assim? Somente inadinplência de competidor mau pagador?

Qualquer um que não acompanha a Aptb e que não teve problemas por ter confiado nos pagamentos não honrados, sai com a impressão de que, na verdade, a "grande vítima" é a Aptb e o "grande injustiçado" é o seu presidente!

E "os grandes malvados"? Ora! são os competidores que deram "cheques sem fundo", e o Site da FNSL, que "virou" um "espaço pra fofocas"! Muita desfaçatez ! muita "cara de pau" !

A "Carta quase Aberta" tem ainda a petulancia de mencionar "cheque sem fundo" "de competidor", mas em momento algum fala nos seus próprios CHEQUES SEM FUNDO, e que não foram poucos!

E o prejuizo daqueles que, ao confiarem na PREMIA√?√?O GARANTIDA", pagaram contas e os seus cheques voltaram? Quem fica com o estrago? O presidente da APTB pode falar que isso n√£o aconteceu? Acha que esse prejuizo se justifica com a sua "Cartas quase Aberta"? N√£o sabe quem s√£o ? PROCURE se informar presidente, que tem at√© competidor muito conhecido nessa situa√ß√£o!

Se fosse REAL - E N√?O FALSA - a informa√ß√£o que o "PROBLEMA" foi a inadinpl√™ncia de 65 mil reais de competidores, como explicar que SOMENTE para uma empresa fornecedora a d√≠vida √© de mais de R$ 65.0000,00 e parte desta j√° vem de outras Etapas? E ainda outros fornecedores (mais de um) que a APTB j√° era devedora e tamb√©m de outras Etapas? Quer que se prove? N√£o √© preciso, ele sabe que isso tamb√©m √© verdade!

O "BURACO NEGRO INTEIRO" ainda vai ser revelado e n√£o √© preciso agora aprofundar: A "Carta (quase) Aberta", em vez de se ater aos fatos concretos e a verdade, detalhar com coragem O QUE REALMENTE EST√Ā ACONTECENDO, procura MASCARAR tudo sob "o manto sagrado da v√≠tima perseguida" e por "esquemas da pol√≠tica na ABQM". O agora auto-declarado "apol√≠tico purificado" diz por exemplo, que "saiu" da "disputa eleitoral na ABQM"...SAIU ou na verdade "FOI SA√ćDO" da Chapa do Dr.Ov√≠dio? Conta essa l√° pro pessoal da NBHA, porque aqui vai ser dif√≠cil algu√©m que conhece acreditar...

At√© porque, essa sim √© sempre a velha e surrada desculpa dessa "pol√≠ticalha" t√£o nefasta em nosso Pa√≠s, t√£o "farinha do mesmo saco"...Ao serem acuados pelos credores e revelados por este Site, os "espertalh√Ķes" tentam passar para o mais desenfreado ataque, buscando, no desespero, alguma pequena chance de escape menos doloroso...

Essa "Carta quase Aberta", que n√£o esclarece nada, parece at√© escrita pelo Professor de √?tica da Escola de Madre Teresa de Calcut√°, o triste de tudo √© que s√≥ parece!

08/07/2009
Carta APTB



Prezados Associados, Criadores e Competidores de Três Tambores e Seis Balizas



Venho pela presente e em ato √ļnico me posicionar e manifestar acerca do ocorrido na √ļltima Etapa do V Campeonato de Tambor e Baliza da APTB, a fim de fazer os devidos esclarecimentos. A saber:



A APTB - Associa√ß√£o Paulista de Tambor e Baliza, fundada no ano de 2003, com o objetivo √ļnico e exclusivo de fomentar o esporte equestre, atrav√©s das modalidades de Tambor e Baliza, desde sua funda√ß√£o, sempre contou com pessoas dedicadas, abnegadas, apaixonadas e, principalmente, com ideais nobres e sem fins lucrativos, visando apenas o crescimento e o desenvolvimento do Tambor e Baliza no Brasil.







Hoje, posso dizer que minha Diretoria - formada pelo Roberto Ulh√īa Canto e pelo Eloizio Justino, √© das mais competentes que j√° trabalhei, sen√£o a mais. O amigo Roberto cumpre com esmero suas atribui√ß√Ķes nas defini√ß√Ķes estrat√©gicas na organiza√ß√£o e formula√ß√£o dos campeonatos e das provas, dando de si at√© mais que lhe √© de compet√™ncia, juntamente comigo e com o grande parceiro Eloizio, que por sua vez, n√£o deixa a "peteca" cair durante as provas, criterioso e meticuloso, mas extremamente justo e eficaz. Aos dois, meu reconhecimento e agradecimento.





A APTB, em seus cinco anos de trabalho, abriu fronteiras internacionais atrav√©s da funda√ß√£o da NBHA Brazil, proporcionando um interc√Ęmbio para criadores e competidores, distribuiu precisamente R$ 2.345.548,00 (dois milh√Ķes trezentos e quarenta e cinco mil quinhentos e quarenta e oito reais) em premia√ß√£o garantida, - incluindo 65 motos e 03 carros 0 Km. Tivemos 25 (vinte e cinco Etapas), quebras de recorde na modalidade Tr√™s Tambores, marcas jamais vistas at√© ent√£o. Animais desconhecidos apareceram de forma mete√≥rica, valorizando-se individualmente, mas agregando valor aos demais, basta acompanharmos os leil√Ķes de cavalos de velocidade. Promovemos maior integra√ß√£o entre criadores de Corrida, Vaquejada, Tambor e Baliza, haja vista que hoje fomentamos o cavalo de velocidade. N√£o tenho a pretens√£o de dizer que a APTB fez tudo sozinha, mas com certeza ela √© parte fundamental nesse processo de evolu√ß√£o, t√©cnica e comercial, do mercado, pois procuramos investir na infra estrutura e na qualidade das pistas, visando dar condi√ß√Ķes para que o conjunto cavaleiro / cavalo, a grande estrela do espet√°culo, pudesse obter o melhor resultado dentro da arena.





Arena. Esta parte, em especial, foi um crescimento not√≥rio. Come√ßamos em pistas descobertas, preocupados sempre em melhorar as condi√ß√Ķes para as fam√≠lias, os competidores e os cavalos, decidimos concentrar nossas provas somente em pistas cobertas, iniciamos no CT Ronildo Morais, com uma das melhores pistas do Brasil. Descobrimos a Nossa Senhora de Lourdes, outro excelente posto para a pr√°tica do Tambor e Baliza, finalmente, culminamos com a inaugura√ß√£o do recinto coberto do Haras Raphaela, excel√™ncia de qualidade internacional, aprovada literalmente pelo mundo eq√ľestre.





Agora, reportando-me ao sucedido na √ļltima Etapa do V Campeonato, ocorreram graves erros administrativos de nossa parte, √ļnica e exclusivamente por mantermos a comodidade dos competidores, n√£o exigindo que as inscri√ß√Ķes, reservas de baias e seus respectivos pagamentos, respeitassem um prazo m√≠nimo de uma semana de anteced√™ncia, tempo necess√°rio para a perfeita organiza√ß√£o financeira. Tivemos ainda um crescimento na inadimpl√™ncia com in√ļmeros cheques sem fundos, competidores que n√£o efetuaram o pagamento de suas inscri√ß√Ķes no dia, num montante superior a R$ 65.000,00(sessenta e cinco mil reais), al√©m de reservas de baias feitas e n√£o utilizadas, gerando tamb√©m uma descompensa√ß√£o financeira, trazendo mais √īnus √† associa√ß√£o. Toda essa parte administrativa √© de responsabilidade exclusiva da APTB, desde recebimentos a pagamentos, por√©m, depois de cinco anos de trabalho, n√£o esper√°vamos a grandeza do montante deficit√°rio para o fechamento da contabilidade da prova.





Diante da situa√ß√£o exposta acima, n√£o havendo outra alternativa coloquei recursos pr√≥prios para equalizar os pagamentos dos pr√™mios. Isto gerou um per√≠odo de 32 (trinta e dois) dias para ser finalizado. Outro fato relevante √© que pagamos nossa premia√ß√£o √† partir da 2¬į feira p√≥s prova, desta forma nem mesmo a compensa√ß√£o dos cheques recebidos durante a prova podem ser realizados





N√£o haveria nenhum problema sermos criticados por nossa organiza√ß√£o, mesmo porque todo associado pode se expressar e se manifestar. Mas esper√°vamos compreens√£o, pois n√£o √© nosso h√°bito deixar de pagar premia√ß√Ķes, haja vista que este foi o primeiro ocorrido em 05 anos, bem como se considerando todo nosso trabalho, com altas premia√ß√Ķes, carros, motos, valoriza√ß√£o do animal, interc√Ęmbio com Europa e Am√©rica do Norte, reconhecimento do criador e do animal brasileiro de Tambor. Algu√©m j√° se esqueceu da mat√©ria jornal√≠stica que a Barrel Horse News publicou no in√≠cio do ano - "Brasil, o novo player global do Tambor"?





Foi preciso um acontecimento inesperado para que pessoas que não querem o bem da modalidade e do cavalo de Tambor aproveitassem a situação para me ridicularizar e menosprezar o trabalho da associação. Tudo por quê? Por causa da política mesquinha e egoísta, que administra o futuro do cavalo no Brasil. Estou aqui me referindo ao cavalo da raça Quarto de Milha, uma vez que a APTB engloba todas as raças, pois se trata de entidade que defende os interesses das modalidades Três Tambores e Seis Balizas.





Fui informado, Conselheiro eleito que sou da ABQM, que na √ļltima reuni√£o de Diretoria, alguns diretores ao inv√©s de discutirem os problemas e dar as solu√ß√Ķes para a magn√≠fica ra√ßa, colocaram em pauta "cheques devolvidos da prova realizada por Marcelo Delchiaro" (Presidente da APTB), sob alega√ß√£o que isso poderia ser prejudicial a ABQM. Como? A APTB √© uma associa√ß√£o de modalidade, independente e sem fins lucrativos, motivo pelo qual tudo o que entra em esp√©cie aos seus cofres √© integralmente repassado aos associados atrav√©s de premia√ß√Ķes. A ABQM √© uma entidade de criadores de Quarto de Milha, muito bem administrada pelo Sr. Ov√≠dio Vieira Ferreira. Portanto, o que ocorreu na APTB jamais poderia ser tema de discuss√£o em reuni√£o de Diretoria da ABQM. Por que um diretor (ou sei l√° quem) perderia seu tempo indo atr√°s de cheques devolvidos da APTB para colocar na mesa de discuss√£o da ABQM? Qual o intuito? Ser√° porque foi ventilada a possibilidade de eu participar da chapa da situa√ß√£o nas Elei√ß√Ķes da ABQM? Quero pensar que n√£o, pois isso seria muito baixo e, a√≠ sim, trabalharia contra a ra√ßa, que tem nos eventos da APTB at√© 95% (noventa e cinco por cento) da participa√ß√£o total em rela√ß√£o √†s demais ra√ßas equestres.





Pois bem, antes que surja mais uma fofoca no blog do meu amigo Thomas de Mello e Souza, ve√≠culo que deixou de ser uma presta√ß√£o de servi√ßo para se tornar uma p√°gina eletr√īnica de fofoqueiros, onde muitos sequer colocam seus nomes reais ao nos criticar, quero dizer que n√£o vou concorrer a nenhuma chapa para as Elei√ß√Ķes da ABQM. N√£o sou candidato. Tenho muito apresso pelo trabalho do Sr. Ov√≠dio, mas n√£o irei participar de pol√≠tica, porque sou muito ing√™nuo para estar dentro desse mundo. Meu modo de pensar n√£o coaduna com a forma de agir de muitos pol√≠ticos.





Tenho uma filha que participa das provas e tenho que dar bons exemplos para ela. Sempre me pautei nisso. N√£o sou e nunca fui ladr√£o, estelionat√°rio ou mentiroso. Tudo o que eu falo, eu cumpro. Mas o mundo pol√≠tico do cavalo n√£o √© para todos e como n√£o tenho a capacidade daqueles que querem o "poder pelo poder", n√£o participarei da campanha para as Elei√ß√Ķes da ABQM em 2009.





Agora, se fiz mal ao criador, ao competidor, ao proprietário e a todos os envolvidos com o mercado do cavalo, peço desculpas. Apenas sonhei em um dia ajudar o Brasil a ser o topo do mundo na modalidade Três Tambores, tendo um sistema de premiação justo, eficaz e organizado, onde todos que participam das provas tenham chances reais de ganhar. Talvez eu tenha pensado muito alto e estou pagando por isto.





Como disse, j√° distribu√≠mos premia√ß√£o superior a dois milh√Ķes de reais e aqueles que se sentem ou se sentiram prejudicados por n√≥s, novamente, pe√ßo desculpas. N√£o pude me manifestar antes, pois havia mentiras de toda parte no meio e n√£o poderia jamais fomentar tal situa√ß√£o. Agora, que estou regularizando tudo, fa√ßo esta manifesta√ß√£o para deixar claro que a APTB √© uma institui√ß√£o sem fins lucrativos, fomentadora das modalidades Tambor e Baliza, com objetivos inequ√≠vocos de melhorar a qualidade t√©cnica de nossos animais e competidores, promovendo o interc√Ęmbio entre os pa√≠ses participantes desse apaixonante esporte. Se incomodamos, nada podemos fazer. Esta n√£o √© nossa inten√ß√£o.





No mais, quero agradecer a compreensão daqueles que se manifestaram durante esse turbilhão de fofocas a nosso favor e dizer que já regularizamos tudo. Se houver alguém ainda com qualquer tipo de pendência com a APTB, favor contatar-nos para a devida solução.





Atenciosamente,

MARCELO DELCHIARO





08/07/2009
Amador Master 2D

Desculpe usar esse espa√ßo democratico seu sem me identificar pois sou propriet√°rio de apenas 1 animal e as vezes consigo beliscar um premio de terceiro lugar no 2D amador master. Se eu me identificar com certeza sofreria retalia√ß√Ķes. Mais falando da carta da APTB enviada a todos n√≥s no dia de hoje quero dizer que o Delchiaro falou, falou e n√£o disse nada. Afirmo isso em cima dos fatos. A Premia√ß√£o Garantida adotada pela APTB nos eventos nunca foi garantida, at√© porque se fosse n√£o haveria esse esparrame de cheques sem fundos. Por exemplo a prova do Haras Raphaela e as provas da FNLS s√£o feitas com premia√ß√£o garantida e tenho certeza que tanto o Dirlei quanto voc√™ Thomas deixam os valores da premia√ß√£o reservados antecipadamente sem se preocupar com o n√ļmero de inscritos. Acho at√© que parte dos pr√™mios s√£o bancados por voc√™s pois sabemos que as vezes as inscri√ß√Ķes n√£o atingem as nossas expectativas. J√° no caso da APTB fizeram uma jogatina apostando que com as inscri√ß√Ķes poderiam pagar os pr√™mios. Na minha √≥tica de empreendedor isso √© temer√°rio j√° que por ser uma associa√ß√£o eles jamais poderiam ter feito dessa forma, pois a APTB n√£o √© do Delchiaro e sim dos associados e todos n√≥s de uma forma ou de outra somos respons√°veis por esse problema.
O Blog (painel de notŪcias) da Fazenda Nossa Senhora de Lourdes ť um espaÁo criado para a divulgaÁ„o de informaÁűes e troca de idťias, permitindo, inclusive, a participaÁ„o de terceiros por meio de comentŠrios. A opini„o expressa nos comentŠrios reflete a opini„o do autor e, n„o necessariamente, representa a opini„o da FNSL. A Fazenda Nossa Senhora de Lourdes n„o se responsabiliza pelo teor destes comentŠrios. O conteķdo de cada comentŠrio ť de ķnica e exclusiva responsabilidade civil e penal do visitante que enviŠ-lo, sendo o nķmero IP, data e horŠrio da postagem armazenados em nosso sistema.
Fazenda N. Sra. de Lourdes - Jaguariuna:(19) 3867-1226. (11) 3071-3866 | Fazenda Estrela do Sul - Uberaba:(11) 3071-3866 . (34) 9960-6172
Desenvolvido por Mercado de Cavalos